Copa do Mundo no Brasil deve impactar lucros de casinos de Macau

Copa do Mundo no Brasil deve impactar lucros de casinos de Macau

A consultoria financeira Credit Suisse declarou que a Copa do Mundo no Brasil deve impactar os lucros dos casinos de Macau, na China, de acordo com publicações e sites de economia da região autônoma na última sexta-feira (13).

De acordo com a Macau Business, a Copa do Mundo de 2014 deve atrapalhar a receita anual dos casinos de Macau em cerca de 3%, uma vez que muitas pessoas vão assistir ao mundial e preferir fazer apostas nos “bolões” e nos sites de apostas desportivas em vez de jogar nos jogos de azar.

Com o início da Copa do Mundo, grupos sociais já começaram a pressionar autoridades para restringir a atuação dos sites de apostas desportivas na China. Conforme informações do Macau Daily Times, a vice-diretora da Associação da Nova Juventude Chinesa, Amanda Lou, alertou para a questão dos sites de aposta desportiva em relação aos jovens. Ela disse que vai incentivá-los a não participarem de bolão e de sites de apostas desportivas durante a Copa do Mundo no Brasil e que o fato de haver idade mínima para frequentar casinos enquanto não há restrições para apostas online é um problema.

“Se eu for a um casino, haverá uma restrição para menores de 21 anos. As pessoas precisam mostrar até a identidade. Se não houver uma regulamentação para as apostas online, qualquer pessoa, incluindo crianças, vão poder participar das apostas”, disse a vice-diretora da associação.

Por outro lado, o Citi Group ponderou o pessimismo do mercado em relação ao desempenho dos casinos durante a Copa do Mundo no Brasil. De acordo com o Markets Emerging, o banco disse que uma vez que o mundial é no outro lado do mundo, os jogos serão de madrugada, o que deve causar pouco impacto na frequência dos casinos de Macau. (Fonte: SuperPoker)

ACERCA DO AUTOR

“Saber desistir. Abandonar ou não abandonar – está é muitas vezes a questão para um jogador. A arte de abandonar não é ensinada a ninguém. E está longe de ser rara a situação angustiosa em que devo decidir se há algum sentido em prosseguir jogando. Serei capaz de abandonar nobremente? Ou sou daqueles que prosseguem teimosamente esperando que aconteça alguma coisa?” (Clarice Lispector)

Deixe uma resposta

X